terça-feira, 28 de maio de 2013

Devo estar a ficar maluco

A espera para saber se Jesus fica ou sai está a deixar-me maluco. E, talvez por causa disso, aconteceu-me algo que eu acreditava que ia acontecer: começo a acreditar que a melhor solução para o Benfica é Jesus ficar. Ou seja, este foi o meu pensamento até domingo às 19 horas. A partir daí e até ontem à noite queria o homem fora do Benfica (como expressei aqui). Desde hoje de manhã, voltei a sentir que a decisão certa é renovar com JJ. Já devia ter sido feito. Há muito tempo.

Calma, não me agridam já. Vou explicar as minhas razões que, depois de muito pensamento, fazem sentido, contrariamente à sua saída. Jesus elevou o futebol do Benfica. MUITO! Sim, já sei, esse futebol poucos títulos ganhou. Mas este parece-me o caminho certo. Ir, gradualmente, melhorando. Esta foi, e não venham com merdas, a melhor temporada de Jesus no Benfica. Falhou nos momentos de decisão e esses é que importam. Mas recuemos então à famosa época de 2009/10. Um Porto como o deste ano teria sido campeão. Porque este ano 77 pontos não chegaram. Mas em 2010, 76 sim. Juntemos ao campeonato, a final da Taça e da Liga Europa. 8 anos sem estar no Jamor e 23 sem uma final europeia. VINTE E TRÊS! Perdemos, lá está, está certíssimo. Podemos apontar o dedo aos jogadores e treinador por causa da final da taça, que em nada orgulhou o nosso clube. Na final da Liga Europa, nada lhes posso apontar. Senti orgulho ali.

Mas, obviamente, JJ tem muito a melhorar. A teimosia já faz parte dele, não há nada a fazer. Mas é possível tirar-lhe o medo de ir jogar ao norte. É possível construir um bom plantel, um plantel equilibrado (e não só no ataque). Com algumas mudanças na estrutura benfiquista, criando uma maior ajuda a JJ (alguém que trabalhe de perto com ele e com o presidente. Rui Costa parece a pessoa certa, mas neste momento as suas funções não são essas) tínhamos uma boa solução.

O que me parece ter trazido maiores críticas a Jesus foi a desavença com Cardozo. Fez chegar a nós, benfiquistas, a ideia (errada ou certa, isso já não sei) de que Jesus não era respeitado pelos jogadores. Como já disse, não sei se essa situação é verídica ou não. Se é, temos problemas. E aí, ou as desavenças de JJ são só com alguns jogadores e tenta-se perceber o porquê, ou as desavenças são com o plantel todo e Jorge Jesus não te condições para continuar.

Se calhar estou a ficar maluco. Isto do tempo andar sempre a mudar também não ajuda. Mas acredito que a melhor solução é a continuidade de JJ. Melhorando algumas coisas, como é óbvio. Penso que está nele o futuro do Benfica. Voltamos à elite europeia e a lutar taco-a-taco com o Porto. Chegar aos títulos permanentes demora. A fasquia foi colocada alta, porque JJ colocou o Benfica onde não acreditávamos poder estar há uns anos atrás. Perdemos as finais. Mas com JJ, muitas mais finais se avizinham. E essas, trarão títulos.

Pronto, agora sim, podem-me agredir. Insultem, atirem cadeiras, machados e facas, cuspam, dêem-me um tiro. Façam de conta que eu sou o JJ que vocês querem fora do clube.

Roderick, is that you?

Não se preocupem, o jovem rapaz do cabelo farfalhudo ainda não chegou a este ponto (espero eu). Este é Will Smith, que devia restringir-se ao cinema...


segunda-feira, 27 de maio de 2013

Análise à estrutura do Benfica

Depois da revisão do que Jesus já fez no Benfica, trago agora a minha análise ao que de bom e mau há na estrutura do Benfica.

Digo-vos, desde já, que não estou muito por dentro daquilo que é a estrutura do futebol benfiquista e, por isso, a minha análise será um pouco superficial. Agradeço por isso a opinião do leitor também.

Luís Filipe Vieira tem 12 anos de mandato e 2 títulos nacionais. Olhando para os números é muito pouco. Podemos agora recorrer ao argumento daquilo que era o Benfica antes de LFV: uma equipa sem rumo, a comprar tudo o que de mau jogador havia e a fazer campeonatos sofríveis. Depois de um início de mandato a tentar reestruturar o clube e a falhar constantemente nos treinadores escolhidos, chegou a estabilidade com JJ. O início foi bom, mas a partir daí tem sido a cair (em termos de títulos). O que se pode apontar a LFV? Não me parece um líder. Não vem a público defender a equipa quando esta precisa. É tudo muito bonito quando o vemos no relvado do Stamford Bridge a falar daquilo que o Benfica jogou, quase eliminando os ingleses. Mas aparecer nas derrotas em que se viu os jogadores a dar tudo e onde a equipa deixou orgulhosos os adeptos, é fácil. Quando as derrotas custam mais e deixam os adeptos furiosos, Vieira deixa Jesus a falar sozinho, a defender-se e a defender a equipa sozinho. E que raio teve ele de ir fazer ao Brasil a 3 jornadas do fim do campeonato? Que imagem passa para os jogadores?

Não percebo o papel de António Carraça dentro do clube sinceramente. Questiono-me mesmo se é benfiquista ou se é apenas mais um a receber dinheiro de todos nós, benfiquistas, para nada fazer. Ou seja, a sua entrada fez com que Rui Costa se juntasse mais a Vieira, mas se afastasse mais de Jorge Jesus e, consequentemente, da equipa. Na minha opinião, Rui Costa tem de trabalhar ali, junto da equipa, porque ele sabe o que é estar ali. Foi jogador de futebol e jogador do Benfica. Estar com os jogadores, ajudá-los, ajudar o treinador. Essa sim devia ser a função de Rui Costa. Ou então, no caso de se querer manter Rui Costa como está, contratar um benfiquista para ser o apoio de Jorge Jesus (caso este fique no Benfica). Muitos ex-jogadores do Benfica seriam bem-vindos.

Dentro da comunicação, destaca-se João Gabriel. Quando fala, fala bem. O problema é que fala no momento errado. Quem decide o "timing" das conferências de João Gabriel?

Alguém que sabe o que é gerir é José Eduardo Moniz. O trabalho que fez com a TVI está à vista de todos e, do ponto de vista de gestão, é do melhor que temos no clube. Parece-me um pouco na sombra nesta estrutura do Benfica. Moniz poderia, assim, assumir o papel de gestão do clube, trabalhando bem de perto com Vieira.

Penso que com certas mudanças na estrutura, todos ficaríamos a ganhar. Como se pode ver e tal como já tinha dito, a minha análise é um pouco superficial visto não estar enquadrado na realidade diretiva do Benfica. Mas, resumindo, a estrutura passaria a contar com Vieira como presidente, mas a mudar a maneira como defende a equipa. Pode-se mudar de presidente? Pode. Mas há alguém capaz de substituir LFV sem destruir muito do bom trabalho já feito? Se há, nunca se candidatou a presidente do Benfica. A seguir, na hierarquia, surgiria Moniz. Não tendo apenas um papel de vice-presidente, mas sim trabalhando mais como um co-presidente, muito perto de Vieira, assumindo grande parte da gestão. Mais perto do futebol e da equipa seria importante ter Rui Costa. E juntar a ele algum ex-jogador encarnado. As sugestões aceitam-se mais uma vez. Formar assim um núcleo de benfiquistas que sintam o clube e que trabalhem de perto com a equipa. E que, nos momentos decisivos estejam lá no balneário, a falar com eles (jogadores e equipa técnica). Sendo que Rui Costa se assume mais como um diretor-desportivo, atento ao mercado, o outro homem-forte, que até poderia ser considerado um adjunto do treinador, não um direto, mas alguém que faça a ligação entre treinador e direção (de certeza que alguém consegue inventar um nome para isso) era muito importante. Mas o mais importante é que seja benfiquista!

Análise a Jorge Jesus

De cabeça mais fria mas não mais calmo, aqui estou eu para esmiuçar aqueles que têm sido os anos de Jorge Jesus como treinador do Benfica. Outras análises serão feitas nos próximos dias.

JJ chegou em 2009 e trouxe-nos o melhor futebol dos últimos anos. Foi uma época em que tudo parecia correr bem e nem uma derrota por 4-1 em Liverpool pareceu afastar os adeptos da equipa. Afinal, o campeonato era mais importante e uma prova disso foi termos jogado com a Naval na segunda-feira, quando tínhamos de viajar até Inglaterra na quinta. O Benfica mostrava qualidade e raça, Jesus era aclamado mas alguns erros apareciam. O principal: apesar de compreensível devido à felicidade da conquista do campeonato, prometer a Champions é um erro de "rookie".

Segunda época para esquecer, apenas com a conquista da Taça da Liga. A campanha na Liga Europa até nos fez sonhar, mas perder a meia-final para o Braga é inadmissível. Um início de campeonato desastroso era apenas o início para uma época de humilhações. Perder 3-0 com o Hapoel, 5-0 no Dragão, ser eliminado em casa na Taça depois de se ter conseguido uma vitória por 2-0 fora e perder o campeonato também na Luz foi mau demais. Começou também aqui o irracional medo de defrontar o Porto.

A época passada voltou a trazer um Benfica mais equilibrado, com uma boa prestação na Champions, mas a perda de 5 pontos de vantagem manchou um campeonato que vinha sendo impecável. Os árbitros estiveram longe de ajuizar bem nos nosso jogos, mas ficar mais uma vez só com a Taça da Liga é pouco. Muito pouco.

Esta época chegou e, com o avançar da mesma, fomos começando a lembrar-nos de 2009/2010. E tudo parecia encaminhado para se tornar ainda melhor. Final da Taça de Portugal, 4 pontos de avanço e final da Liga Europa. Mas eis que aconteceu o inesperado. Os 4 pontos passaram a -1 com um empate frente ao Estoril e uma derrota no último minuto no Dragão. A Liga Europa perdida também no final. Ainda assim, os adeptos, desiludidos, puxavam pela equipa. Chega a final da Taça, Benfica em vantagem, deixa-se adormecer e de repente está a perder. Perde a taça para uma guerreira mas inexperiente equipa vimaranense e põe o mundo benfiquista de pantanas.

O resumo do comando de Jorge Jesus apresenta muitos altos, mas deceções a mais.

Prós: Jorge Jesus põe a equipa a jogar como há muito não víamos. O Benfica puxa pelos adeptos e fá-los acreditar. Conseguimos, juntamente com o Porto, distanciar-nos de todas as outras equipas do campeonato. Chegámos a uma final europeia 23 anos depois e a uma final da taça 8 anos depois. Importante também o trabalho de Jesus na potenciação de jogadores. David Luiz, Fábio Coentrão, Javi Garcia, Witsel, Ramires e Di María são os exemplos dos jogadores que mais dinheiro deram aos cofres do Benfica. Garay, Matic, Gaitán, Salvio e Enzo Pérez vão pelo mesmo caminho, uns ao ponto de serem vendidos num futuro próximo, outros que dão uma qualidade extraordinária à equipa, quando ninguém esperava nada deles.

Contras: o Benfica perdeu demasiados títulos. Jesus tem culpa em muitos deles. Acabou por aparecer também o tal medo do Porto. Irracional esse medo na minha opinião, muito mais quando pelo menos este ano, o nosso plantel era muito melhor. O ego de Jorge Jesus é também um entrave aos bons resultados. JJ perde-se na boa imagem que tem de si próprio, gabando-se da sua qualidade nas vitórias, mas fugindo às responsabilidades nas derrotas. Faz-nos acreditar que tudo é possível, mas no momento das decisões põe milhões a chorar. A teimosia é também um ponto fraco do técnico. Roberto e Emerson tinham lugar cativo, fizessem o que fizessem. Jesus ainda não descobriu que Roderick não é jogador de futebol.

Veredito: a minha opinião, e muito apesar de sempre o ter defendido, é que acabou o ciclo de Jorge Jesus no Benfica. Muito tenho falado que a continuidade e a estabilidade são importantes, que não quero voltar ao início dos anos 2000, mas tenho a noção que, da mesma maneira que arriscamos ao colocar Jorge Jesus em 2009, devemos arriscar e colocar outro para a próxima época. Um treinador que saiba equilibrar o plantel e não olhar apenas para o ataque, que pense mais no "nós" e menos no "eu", que não tenha medo no momento das decisões e que, foda-se, não ganhe 4 milhões por época para num mês foder o trabalho todo. Dentro dessas características e pelo que tenho visto pela blogosfera benfiquista, Rui Vitória e Paulo Fonseca parecem os nomes mais adequados. Apostar em Rui Faria ou Marco Silva não seria má ideia também. Sugestões aceitam-se e agradecem-se.

domingo, 26 de maio de 2013

Rua com eles

Nem estou muito exaltado...estou mais conformado. Tal como parece estar grande parte da equipa do Benfica. Ao contrário do que diz o meu colega Garay no post anterior não tenho já problema nenhum em fazer a lista de dispensas.

Vamos lá então:

Pablo Aimar - jogador mais bem pago do plantel? oi? devem estar a brincar...nem no Arrifana era titular;

Carlos Martins - não podemos continuar a mantê-lo só porque temos de tratar igualmente pessoas com atrasos mentais;

Artur - Frangos em todos os jogos decisivos esta época nas competições nacionais. Entrega o jogo com o Estoril, os 2 com o Porto e é melhor nem falarmos da Taça. Tragam lá o Oblak sff;

A. Almeida - não tem classe suficiente para o Benfica. Tão simples como isto;

Cardozo - Mais um com ordenado milionário que só marca golos quando a equipa joga bem. Quando precisamos dele para desbloquear algum jogo...tá quieto. Pode seguir e boa viagem;

Luisinho - Quem?;

Sidnei e M. Vitor - Ainda cá estavam? a sério? O Sidnei custou 10 milhoes?! Mas de dinheiro verdadeiro daquele das cotas...?;

Jesus - Não defendo que seja despedido mas depois de hoje também não defendo que continue. A continuar é para baixar o ordenado substancialmente e ter prémios por objectivos. Caso contrário...boa viagem e pode ir dar aulas na FMH.

O Maxi pode ficar mas para suplente.


Perdemos a Taça  (e perdemos bem!) com o Guimarães mais fraco dos últimos 10 anos. Foi absolutamente vergonhosa a falta de vontade, brio e orgulho demonstrada por 3/4 dos jogadores do Benfica hoje em campo.


Uma ressalva para Matic. Enorme em tudo, como sempre. Agora vendam-no.


Já tinha dito e reafirmo: O meu redpass não será renovado. Djuricic que me perdoe mas até Janeiro pelo menos não consigo perdoar muita gente que se arrastou hoje pelo campo satisfeitos com o 1-0 que "pensavam que chegavam". Pois...quando se pensa que se está a treinar o Belensenses em vez do Benfica é o que acontece. Hoje houve Taça.

Parabéns ao Guimarães e ao Jorge Sousa, impecável arbitragem como sempre contra o Benfica. 


Parabéns também aos Sportinguistas que andam tão contentes. Devem ter ganho alguma coisa hoje só ainda não percebi o quê.




Puta que pariu esta merda!

Depois disto, aquilo que penso muda. Não me vou pronunciar muito mais agora porque os ânimos estão demasiado exaltados, mas certas mudanças que ainda há umas horas atrás julgava não serem necessárias, deixam-me confuso neste momento. (A situação de Jorge Jesus não é a única!)

A festa da Taça está de volta!


Já está tudo preparado! Bigodes prontos, gargantas afinadas depois de um belo churrasco e uma tarde de futebol que se espera que acabe em festa. Os adeptos com certeza farão seu trabalho. Será que os jogadores estarão à altura. A festa da Taça está de volta ao nosso clube. A tarde mágica do Jamor que tantas memórias nos traz pode dar-nos mais um momento de orgulho. Força Benfica!

sábado, 25 de maio de 2013

Parabéns Bayern e Heynckes!

Parabéns grande Jupp Heynckes. Isto a dizer o nome dele parece que damos um soluço e logo a seguir tossimos. Coisa estranha.

Este Bayern acabou de nos mostrar o que será o Benfica para o ano (o que eu gostava que fosse). Mas agora mais a sério, parabéns aos dois clubes mas principalmente ao Bayern porque ganhou merecidamente este troféu. Vemo-nos para o ano na Catedral.

PS: parece que a final da Liga dos Campeões feminina vai ser no Estádio de Alvalade para o ano. Que melhor sítio para colocar um conjunto de mulheres do que uma casa-de-banho?

sexta-feira, 24 de maio de 2013

Divagar...

Gosto de me considerar um divagador. Profissional um dia, espero. E infelizmente não costumo ver muito isso nos blogs benfiquistas que tanto gosto de ler. Somos muito diretos. O Pinto da Costa gere este país todo à vontade, devíamos parar de comprar pontas-de-lança e passar a comprar um lateral-esquerdo. E os árbitros. Há quem diga que os devemos comprar também. São estes o assuntos que se vêm na blogosfera benfiquista. E é por isso que decidi escrever um texto que nada tem a ver com isso. Vão ser só palavras de uma pessoa a divagar. Vai parecer o Sporting nos últimos, ali em banho-maria. À espera de se tornar num belo bolo que o Manuel Serrão enfarda numa só dentada, no seu habitual pequeno almoço de quinta-feira, antes de sair para fazer não se sabe bem o quê, nem com quem, nem onde. Pronto, o local até é mais fácil. Deve ser no Porto. No Dolce Vita. Provavelmente no McDonald's. Alguém sabe se o Dolce Vita do Porto tem McDonald's? Gostava de experimentar um dia ir lá. Mas não quero um simples hambúrguer. Quero voltar aos tempos do Big-Big Mac, com dois pedaços de carne de vaca, vaca essa criada numa quinta lá bem longe. Provavelmente em Alverca, onde tão feliz foi o Mantorras, antes de ficar sem joelho. Mas não comparemos o Mantorras com uma vaca por favor. Grande Pedro, fundamental na conquista do campeonato com o Trapattoni. Esse senhor italiano. Veio calado e calado saiu. Era um poço de serenidade, mas só quando o Benfica marcava. Aí víamos Álvaro Magalhães saltar do banco, iniciando depois a sua maratona de 20 minutos a correr à volta do Estádio. Felizmente para ele, já não era adjunto em 2009/2010. Mal começasse ele a sua corrida de festejo, lá estava o Benfica a marcar outra vez. Mas onde ia eu? Porra... errrr... já me perdi.

Senhor da mesa 3. Sim, você o da gabardine. Já sabe se o Matic tem namorada ou se precisamos de lhe arranjar uma para criarmos a nossa quinta de Matic's? Quinta essa que, para além de muitos sérvios, contaria ainda com coelhos. Gosto de coelhos. Não para comer, isso não aprecio. Aprecio sim um belo leitão da Bairrada. Hmmmmm, saudades do leitão. Num belo fim-de-tarde onde o sol se põe ao mesmo tempo que os primeiros morcegos começam a aparecer. Aí sei que está a chegar o verão. Ou o Batman. Vampiros não, porque esses agora são diferentes. Brilham com a luz do sol. Gays dizem uns. Homossexuais dizem outros. É a mesma coisa, grita o leitor ainda à espera de encontrar algo neste texto digno de ser lido. Mas não há, não continue a procurar. Isto sou só eu, a divagar...

quinta-feira, 23 de maio de 2013

Venha a Taça

Depois de uma semana negra, de desilusões e de passar do céu ao inferno fica a faltar um jogo para o final da época.

A Taça.

Não salva a época, não salva sequer a dignidade nem chega para fazer esquecer o que podíamos ter ganho....mas Taça é Taça e precisamos urgentemente de ganhar títulos com estes jogadores.

Domingo vou lá estar, pela 1ª vez no Jamor a torcer como sempre, ciente que do outro lado já se prepara este jogo há largos meses. Mas bolas, somos melhores. Rectifico, somos MUITO melhor que eles e temos de ganhar!

Dizem que é uma festa bonita, toda a gente a fazer churrascos e a conviver...mas sinceramente sem a vitória final nada disso me importa minimamente. Quero levantar este caneco e que seja o ponto de viragem como foi há anos com Camacho antes de sermos campeões na época seguinte.

Jogamos contra o Porto, não se enganem. Desde os jogadores já contratados, passando pelo árbitro e terminando nos dirigentes...tudo fede a Porto no Guimarães. Salvam-se os adeptos, esses não se vendem a ninguém apesar de serem uns autênticos macacos.


Agora sim é altura de por tudo no assador: ir para cima deles e acabar com o jogo em 30 minutos. O resto é para fazer a festa. Quanto mais demorarmos a marcar mais nervosos vão ficar os jogadores e livrem-se de chegar aos descontos empatados!

Ganhem por nós malta, apoiámos tanto este ano, aplaudimos quando não ganhávamos, fomos ao aeroporto receber-vos, fizemos vídeos, passámos com aviões por cima do Seixal....


Está na altura de nos darem qualquer coisinha além da vitoria moral, não??

Força Benfica!

  
(Se estes gajos conseguiram ganhar uma taça, com esta equipa é para golear!)

P. s . - A silly season começou...só se deixa enganar quem quer.

Está tudo maluco?

Carlos Eduardo? Mas alguém acredita que o Benfica o queria? Façam o favor de pensar um pouco por vocês e um pouco menos por um pedaço de papel que mais não escreve do que barbaridades. É certo e sabido, desde há muitos anos, que se o Record anuncia que um jogador está a ser negociado pelo Benfica, esse mesmo jogador irá para o Porto. Carlos Eduardo é só mais um para criar em nós, benfiquistas, a ideia que somos ultrapassados em tudo pelo Porto. Há muitas matérias em que eles estão mais avançados que nós (em jogadas de bastidores estamos a anos-luz), mas este não foi o caso. Como em tantas outras contratações deles. Simples.

A silly season do Record começou e os silly fans (desculpem, mas quem acredita nisto é um pouco burro) seguem a caravana. Vão atrás deles, dão-lhes dinheiro e eles continuam a fazer o mesmo. É um círculo vicioso, alimentado por aqueles que não conseguem pensar por si mesmos. Ainda hoje sai lá a notícia que o Benfica está interessado num jovem colombiano (Zapata). Vocês que vão já atrás dos vídeos deste rapaz, parem já. Há duas opções para ele: ou vai ficar no seu clube ou então irá para o Porto. Mas o mais importante: o Benfica NÃO está interessado nele. Carlos Eduardo... olha que esta...

PS: o Sporting vai ficar sem um tostão da venda do Moutinho. Sabe-vos bem isso? Continuem a ir festejar com eles as vitórias. Continuem a vender jogadores a preço de saldo aos corruptos. Continuem a guerra contra o Benfica e a apoiar o Porto. Que bela parceria que arranjaram, não haja dúvida.

quarta-feira, 22 de maio de 2013

O processo Yao Ming português (ou será sérvio?)

Parece estar encontrada a fórmula para o sucesso do Benfica, não só a curto, mas também a médio e longo prazo. Podemos fazer como os chineses, que "criaram" um Yao Ming em laboratório. Pede-se ao Matic que vá a uma clínica de fertilidade e passe um bom momento a ler revistas numa casa-de-banho e que depois deposite algo num frasco (ele saberá o conteúdo a depositar na altura certa). Depois disso, arranja-se uma mulher (de preferência uma futebolista) que tenha características que o Matic não tenha (esta é a parte difícil, só se for uma mulher destra), ou pensando bem, que seja igual ao Matic. É melhor, assim não dá erro. Ficamos sem a possibilidade do miúdo ser destro, mas por outro lado arranjamos lateral-esquerdo para daqui a 20 e poucos anos.

Coloca-se o conteúdo do frasco no útero desta jovem. Ou, se preferirem o clássico ato sexual, tenta-se juntar os dois. Nem sei se ele tem namorada. Você! Sim, o senhor da gabardine aí na mesa do canto que costuma ler as revistas cor-de-rosa. Procure saber se o Matic tem namorada. Se tiver, veja se a rapariga tem as características desejadas. Não para si, mas para mãe de putos-estrela.

Enfim, tudo isto para dizer que o Benfica terá contratado o irmão do Nemanja, Uros Matic. Se for como o irmão ou perto disso, dará muito jeito. Boa sorte Uros!

Aqui fica o habitual vídeo do youtube. Já sabemos que no youtube até o Paulo Almeida parecia bom jogador, mas é o que temos.

domingo, 19 de maio de 2013

Sem parabéns para ninguém (excepto os adeptos)

Mais um campeonato para o Porto e nós ficamos tão perto. Razões? Falhamos contra o Estoril, falhamos nos últimos minutos contra o Porto e um artista deu o toque mágico a um campeonato a 70 minutos do final do mesmo. Mas, infelizmente, não nos podemos queixar apenas do árbitro do jogo de hoje. Falhamos em momentos decisivos quando fomos os melhores (de longe). Mas foda-se, a época só não é boa por uns míseros minutos. Isto custa. Não vou começar a fazer a retrospetiva da época, até porque ainda não acabou. Reitero sim, um desejo que há já muito tenho vindo a demonstrar. Jesus tem de ficar, não é (só) por causa dele que temos ficado atrás do Porto mas grande parte do crescimento que temos tido vem dele. Que os seus próximos 2 anos tragam os troféus que tanto desejamos e que a esses 2 anos se vão juntando muitos mais. Não vou dar os parabéns ao Porto porque não acho que tenham merecido ganhar o campeonato. Ficamos desiludidos porque falhamos nas decisões, mas como adeptos não podíamos ter feito mais. Cada vez mais me orgulho de ser benfiquista. BENFICA SEMPRE!

BORA BENFICA!

Hoje não resta muito mais que esperar pelo impossível. Rezem os crentes e rezem os não-crentes. Ganhemos ao Moreirense e esperemos pelo milagre. Pouco mais podemos fazer. Hoje terá de ser dia para acreditar. Que a sorte que não esteve esta semana connosco mude de mãos. E que a competência de uns e incompetência de outros faça de nós felizes no fim da noite. Sabemos que é quase impossível. Mas temos de nos agarrar a esse quase e transformá-lo em algo bom. 'BORA ENFICA!

Chances e probabilidades

A pedido de um amigo, deixo-vos aqui um texto um pouco diferente do habitual. Quem gosta deste tipo de coisas, faça o favor de dar uma olhada. Obrigado!

Chances e probabilidades: Quanto um site de apostas paga pelo título do Benfica

Menos de 24 horas. É o que separa o Benfica de um possível título que já esteve nas nossas mãos. Sorriu-nos e, agora, flerta pelos lados do Dragão. Hoje, Benfica, Porto, Moreirense e Paços de Ferreira serão os protagonistas de um episódio que definirá o campeão português da temporada 2012/2013.

Com esta nova parceria com o ApostasOnline.com eu aproveitei para saber quais as probabilidades de comemorarmos o título, claro, com uma vitória do Benfica e com um tropeção do Porto frente ao Paços de Ferreira. Para isso, vamos dar uma olhada no que o site oferece para a Liga Zon Sagres neste fim de semana:



À primeira vista não temos algo que nos anime muito. Mesmo jogando fora de casa, pelas cotas oferecidas ao Porto já vemos que eles têm grande favoritismo, 1.26 para o futebol são cotas que praticamente dão como certo determinado resultado. Mas, enfim, a esperança no Glorioso é grande e vamos ver como seria a nossa aposta para comemorar o título. Para isso, precisaríamos que o Benfica ganhasse ao Moreirense em casa, missão simples - se a sorte (na verdade o azar) não nos afetar novamente.

Bem, apenas vencer não é garantia de título, precisamos que o Paços de Ferreira também nos ajude empatando ou ganhando o jogo, portanto precisamos fazer uma aposta acumulada para isso:

 

Combinando estes resultados, as cotas finais são de 4.13, a má notícia é que quanto maiores as cotas menores são as chances de um evento ocorrer. Para ter um valor percentual aproximado da probabilidade desses eventos acontecerem devemos dividir 100 pela cota. Portanto, temos 24,21% de chances.

Vamos dizer que 20 Euros é o que estamos dispostos a arriscar para essa missão. Apostando esse valor, além de curtir toda a festa do glorioso, ficaremos com 82,60 Euros, ou seja, umas notinhas a mais para poder comemorar o resto do fim de semana.

O valor de 20 Euros não surgiu do nada. O site de apostas oferece um aposta gratuita até esse valor. Portanto, ao fazer o seu primeiro depósito, se você não acertar o seu palpite, o ApostasOnline.com reembolsa-te até 20 Euros.

Para os que vão ao estádio, é possível aceder ao site pelo telemóvel e, bem, 24,21% é quase 25%. Sabemos que no futebol não jogam as probabilidades mas sim os jogadores. Mas para os apostadores, as probabilidades contam e muito. Para quem costuma apostar, têm aqui a vossa oportunidade. Para quem não costuma, não custa muito dar uma vista de olhos. Obrigado pela atenção e viva o Benfica!

sábado, 18 de maio de 2013

Identidade

Entrando no último fim de semana do campeonato aconteceu aquilo que no final do jogo das meias finais com os turcos ninguém esperava: Entregámos o campeonato ao Porto, perdemos a liga europa e neste momento resta sonhar com a taça para tentar minimizar as perdas do que poderia ser a época perfeita.

Em vez disso tivemos a mais negra semana da história do clube. Perdemos tudo o que havia para perder, não há volta a dar.

Fomos os melhores no campeonato? Fomos.
Fomos melhores na final da liga Europa? Fomos.

Então porque perdemos? Porque se repete esta história (no campeonato já é o segundo ano)?

É uma questão de cultura e identidade. 


Não existe no benfica uma cultura ganhadora. Uma identidade de vitória. 
Somos os melhores, jogamos melhor, temos tudo melhor...mas na hora da verdade a pernas tremem. Fraquejamos quando não podemos. E com isso deitamos tudo a perder. 

E isto não é apenas no futebol. Olhemos para o voleibol que apenas ao fim de meia década de dominio da  modalidade conseguiu sagrar-se campeão porque (pasmem-se!) perdíamos sempre as finais.
Olhemos para o andebol ontem e hóquei hoje, completamente atropelados pelo clube que tem a maior dinâmica de vitória de Portugal, os corruptos do norte. 

É certo que a conseguiram e conseguem através de meio obscuros, jogadas de bastidores e intimidações mas nós temos de saber contrariar isso. E quanto mais perdemos desta forma mais o fosso cresce. 

Perder um jogo nos descontos pode ser azar. Perder dois da mesma forma demonstra nervosismo, falta de concentração e incompetência. 

Posto isto qual é a solução?? Sinceramente não sei mas espero que Jesus renove pois ele não é o problema. 

Cabe ao nosso presidente procurar o que está mal e arranjar soluções. 


Mas não deixe tudo na mesma e espere por melhor "sorte"...porque essa protege os audazes. 




quinta-feira, 16 de maio de 2013

Melhores adeptos do Mundo!!!


 
Vídeo publicado pelo grande Toto Salvio. FORÇA BENFICA!

Somos grandes!

Somos grandes! Queria começar com esta frase, porque é a maior verdade que sei sobre o Benfica. Desde pequeno que o sei. O Benfica é grande, enorme!

Mas há certas coisas que enquanto pequenos nós não sabemos. A primeira e que há muitos anos me deixava curioso era não saber o que era estar numa final europeia. Ouvir o que era não está nem perto de ser o mesmo. Agora sei o que é estar numa final europeia. A festa dos adeptos, o nervosismo, ver os jogadores a passar ao lado da taça na entrada em campo, o orgulho enorme de ter o velho continente a ver-nos. Infelizmente também já sei o que é sair de lá em lágrimas, ver os jogadores deitados no chão, desolados, tristes. Mas sei que cumpriram o seu trabalho e deram tudo o que tinham. Merecem o nosso apoio. Porque um dia serão eles a subir ao topo, de cabeça erguida e sorriso nos lábios, a levantar a taça.

Outras coisas vamos ficando a saber ao longo do nosso tempo de benfiquismo. As primeiras recordações vivas que tenho do Benfica são dos piores momentos da nossa história. Lembro-me de ficar fora da Europa, de ter de esperar anos e anos para ver o meu clube campeão, de chorar pela primeira vez a morte de alguém (Miki, continuas connosco, para sempre), ver ídolos abandonar o clube ou o futebol. Mas também me lembro de festejar o meu primeiro campeonato, de ir para o Marquês, de estar no Jamor, de voltar a ganhar o campeonato e de saltar de cinco em cinco minutos para festejar um golo, de aplaudir o Mantorras a cada vez que saltava para o aquecimento, do dia em que vi chegar Pablo "El Mago" Aimar a Lisboa, acompanhado pelo Maestro Rui Costa e do primeiro dia em que vestiu o manto sagrado, de ir acompanhado de milhares de benfiquistas esperançados até ao estádio, de acreditar no Benfica.

Sei que um dia estarei a festejar um título europeu. Simplesmente sei.

O meu orgulho e amor por este clube cresce a cada dia, a cada momento que passa. Nos momentos de tristeza ou de alegria. É isso que nos move a todos. O crer, o orgulho, o amor, a ambição. A irracionalidade, o sentimento, a força e a raça. Sou do Benfica. E isso me envaidece. Isso me engrandece. Sou do Benfica. E para sempre serei. Todos os dias, cada vez mais. Obrigado Benfica.

:(

Só agora ganhei coragem para vir aqui escrever alguma coisa. O discernimento nesta altura é 0. E por isso vou-vos deixar apenas o que sinto neste momento.

PS: alguém sabe a que horas chegam os jogadores? ORGULHO EM SER BENFIQUISTA! SEMPRE!!!

 
 






quarta-feira, 15 de maio de 2013

Amo-te Benfica!

É hoje! 23 anos depois da última presença, 51 depois da última conquista. Hoje, mais de 6 milhões de benfiquistas vão estar ali, no relvado da ArenA de Amesterdão. Mais de 6 milhões a ir buscar aquela bola ao cantinho junto com o Artur, a parar mais um ataque e a "sprintar" até à área contrária com o André Almeida e o Melgarejo, a parar qualquer investida inglesa com o Garay e o Luisão. Mais de 6 milhões a correr todo o campo com o Matic e o Enzo, a acelerar com o Salvio e a arrancar uma jogada de génio com o Nico. Mais de 6 milhões a rematar com o Lima e com o Cardozo. Mais de 6 milhões a berrar com os jogadores junto com o Jesus. Mais de 6 milhões a subir a escadaria do Estádio e a erguer aquele troféu. Mais de 6 milhões a festejar e a chorar de alegria. Mais de 6 milhões a gritar, alto e bom som, AMO-TE BENFICA! De todos, um. Por todos nós, pelo Benfica. Vençam por nós, pelo Benfica. Orgulhem-nos ainda mais do que aquilo que parece ser humanamente possível. FORÇA BENFICA!

terça-feira, 14 de maio de 2013

Loucura!

http://www.maisfutebol.iol.pt/benfica/adeptos--benfica-amesterdao-europa-league-final/1449502-1456.html

Ser benfiquista é isto. É ser louco. Vamos todos para Amesterdão ao bom estilo dos chineses que o Futre falava. Vamos com esperança mas ainda destroçados. Ainda custa tentar levantar a cabeça. Mas é o que dizem que temos de fazer. O Jesus disse que os jogadores já mudaram o chip. E os caros leitores robot? Já o fizeram?

Numa notícia totalmente diferente, Benfica atrás do Atsu (santinho)??? Diz o empresário: "O Benfica está atento ao que se está a passar. Já falaram comigo sobre isso e deixaram em aberto a possibilidade de tentarem convencer o FC Porto a vender Atsu. Não posso acreditar que deixem de fazer negócio devido a questões de rivalidade."
Depois de ler o que o empresário disse, percebe-se a veracidade disto.

Mas agora o que menos queremos é falar de corruptos. Bora Benfica. Tragam a taça para Portugal. Façam-me feliz! FORÇA BENFICA!!!

segunda-feira, 13 de maio de 2013

Entrevista: Blog "Blue Champions"

Inserido na preparação da final da Liga Europa frente ao Chelsea, o Parem lá com isso! tem o prazer de apresentar uma entrevista a um dos maiores blogs relacionados com o Chelsea: Blue Champions. Agradecemos desde já a generosidade do criador do bog (BlueChampion), que já escreveu, inclusivé, textos para o site oficial dos blues. Espero que gostem do nosso primeiro artigo do estilo, tanto como nós gostamos de o fazer. Enjoy! 

BlueChampions


Parem lá com isso!: Tu já escreveste alguns textos para o site oficial do Chelsea. Podes explicar como isso aconteceu?

BlueChampion: Foi a partir do twitter. Eu era bastante ativo no twitter (@bluechampion), "tweetando" acerca do Chelsea e futebol em geral. Quem também era muito ativo no twitter era o diretor de comunicação do Chelsea, que reparou no que eu escrevia, visitou o meu blog e convidou-me para escrever lá. Ele já não pertence ao Chelsea mas ainda somos bons amigos.

PLCI: Dizes, no teu blog, que começaste a gostar do Chelsea por causa do José Mourinho. Podes falar um pouco sobre isso?

BC: Há uns anos atrás, eu achava que a maioria dos treinadores eram velhos, chatos e contentavam-se com pouco. Depois apareceu Mourinho, que era jovem, impertinente e ambicioso. Tornei-me fã da sua personalidade. Como nós dizemos, ele é muito bom e sabe-o muito bem. Eu seguia a sua carreira e ele aterrou no Chelsea. Até lá, eu acompanhava futebol mas não apoiava qualquer equipa. Eu gostava de JM - aliás, tudo o que ele era e fazia, incluindo as pequenas coisas levavam outras pessoas a odiarem-no. A partir daí, apaixonei-me pelo Chelsea. A saída de JM do Chelsea foi um dos dias mais tristes do futebol para mim. Senti-me como se um familiar tivesse morrido. Mal posso esperar pelo seu regresso.

PLCI: Acreditas que Mourinho voltará a Stamford Bridge este verão? É uma boa ideia?

BC: "Eu espero que" será mais correto do que "eu penso que". Ele trabalhou em diferentes países e ganhou em todo o lado. Já não tem nada a provar. Por isso, aposto que ele quer assentar num clube, entre 5 a 10 anos e construir um legado. Mas ele não faria isso em qualquer lugar. Este parece-me o momento certo e o Chelsea o clube certo. Só os rumores do seu regresso levantaram o astral dos jogadores e adeptos do Chelsea. Se ele voltar, irá começar uma década de domínio do Chelsea...

PLCI: Com a eliminação na fase de grupos da Liga dos Campeões e a impossibilidade de vencer o título inglês, esta pode ser considerada uma má época do Chelsea? Ou a possível conquista da Liga Europa apaga isso?

BC: Não é uma má época se terminarmos nos primeiros quatro e ganharmos a Liga Europa. Todos sabemos que esta foi uma época de transição. Jogadores que carregaram o Chelsea nos últimos anos como Drogba, Terry, Lampard ou Cole não jogaram ou pouco jogaram pelo clube. É uma grande mudança e por isso houve um grande impacto. Mas a nova equipa deixa-nos esperançosos. Ainda não está completa, mas é excitante. Para muitos jogadores esta foi a primeira época completa no Chelsea ou em Inglaterra. Sendo esta uma época de transição, fico contente com um lugar nos 4 primeiros (a vitória na Liga Europa seria um bónus).

PLCI: Segues o futebol português? O que sabes sobre Portugal?

BC: Apenas vejo a tabela classificativa uma vez ou outra. O Euro 2004 foi uma grande janela para Portugal (estragaram tudo na final). O que sei sobre Portugal? Mourinho, Eusébio, fandango, Ronaldo, Figo. E tudo o que acaba em O. Os primos pequenos de Espanha. Muitos portos e praias. Homens loucos. Mulheres bonitas. Chapéus engraçados.

PLCI: E o que sabes sobre o Benfica?

BC: Nada muito detalhado. Presença habitual na Liga dos Campeões. Muito boa equipa com jogadores entusiasmantes. Se bem me lembro, eliminaram o Manchester United duas vezes. E assustaram-nos de verdade na última edição da Liga dos Campeões. Como outros clubes em Portugal, vocês são grandes exportadores de talento futebolístico.

PLCI: No ano passado, o Chelsea ganhou a Liga dos Campeões mas tiveram de se esforçar para eliminar o Benfica nos quartos de final. Esquecendo a arbitragem horrível que prejudicou claramente o Benfica, com que ideia ficaste do Benfica e dos seus adeptos depois dessa ronda?

BC: Quando me apercebi que nos tinha calhado o Benfica, fiquei aliviado para ser honesto. Evitámos os tubarões. Mas vocês saíram de cabeça erguida, com bastante crédito por parte do Chelsea, pela vossa excelente prestação nos dois jogos. Mas vocês também não nos apanharam no nosso melhor. Foi uma temporada fraca e ganhamos a competição contra todas as apostas. Se jogarem contra nós na próxima época, preparem-se. Os adeptos benfiquistas fazem muito barulho e são bastante animados. Mostraram, sem sombra de dúvida, mais paixão que os adeptos espanhóis. Acho que os adeptos têm muito orgulho no clube. Com razão.
Arbitragem numa competição da UEFA a ajudar o Chelsea? Não me façam rir. Vocês sabem o que o Drogba disse acerca da arbitragem: "You're a fucking disgrace".

PLCI: Como sabes, David Luiz e Ramires são ex-jogadores do Benfica. Qual é a tua opinião acerca deles?

BC: Eu tenho de vos agradecer eternamente por esses jogadores. Não são apenas grandes jogadores, mas também jogadores favoritos dos adeptos. David Luiz é um rebelde - consegue ser um pouco esperto, louco e excêntrico - mas cheio de ambição e paixão. Está a ser preparado para se tornar capitão. Ramires é um jogador incrível. A sua energia é infinita. Marcou muitos golos decisivos para o Chelsea até agora. Um dos jogadores que mais confiança nos dá, com ou sem posse da bola. Obrigado por essas duas jóias.

PLCI: Na transferência do David Luiz, o Benfica adquiriu o Matic (muito obrigado!!!). Depois de um ano na sombra de Javi Garcia, Matic assumiu o lugar com a saída do Javi para o Manchester City. Ele é agora um dos jogadores favoritos da massa adepta, um dos melhores (se não o melhor) jogadores do Benfica e a imprensa já começa a falar num eventual regresso ao Chelsea? O sérvio é um jogador que te agrada?

BC: Eu fiquei muito triste com a saída do Matic. Houve uma altura em que eu realmente pensei que ele iria ser o substituto do Ballack. Ele tinha todas as qualidades necessárias. Com David Luiz e Ramires como os dois médios mais defensivos num 4-2-3-1, eu não me posso queixar mas Matic pode ser um bom suplente ou até titular neste momento.

PLCI: Como já sabes, Luis Suarez do Liverpool é um ex-jogador do Ajax. Logo, é possível que ele tenha uma casa em Amesterdão. Tens medo que ele volte a tentar morder o Ivanovic? Ou qualquer outro jogador do Chelsea? Os jogadores do Benfica devem ter cuidado?

BC: O lema do Suarez é "se não os podes vencer, morde-os". Por isso, tenham cuidado apenas quando jogarem contra ele.

PLCI: O Benfica tem um concurso mensal onde elege uma adepta como Miss Benfica. Achas que se nós oferecermos uma das raparigas ao John Terry, ele marcaria um ou dois auto-golos na final?

BC: O tipo de homem que ele é e com tamanha oferta, ele conseguiria marcar de duas maneiras - para o Chelsea e com a Miss Benfica (fotografias por favor - espero que tenham bom gosto nas mulheres). Já agora, essa é uma excelente iniciativa. Devíamos aprender convosco.

PLCI: Porque é que não há bigodes na equipa do Chelsea? Depois do Fenerbahçe, isto é muito perturbador.

BC: Ah! Isto precisa de ser tido em conta na próxima reunião da assembleia geral do Chelsea. Eu também iria adorar ver alguns bigodes, que nos recordariam os velhos tempos e que nos fariam recuar algumas décadas.

PLCI: Penso que estamos de acordo quando digo que o Ramires não presta. Alguma possibilidade de o enviarem de volta?

BC: Claro. Podem ficar com ele durante as férias e pré-época e mandá-lo de volta em Agosto.

PLCI: Achas o sistema de distribuição de bilhetes para a final justo para as equipas?

BC: Totalmente injusto. Mas nós estamos longe de ser o filho preferido da UEFA. Eles magoam-nos de qualquer maneira possível e nós chateamo-los ganhando troféus.

PLCI: Após conseguir uma boa recuperação de bola, quais são as chances de vermos o John Terry tirar o telemóvel dos calções e "tweetar" acerca disso?

BC: Zero! Não acredito que seja titular. E o homem já anda muito ocupado com "as redes sociais do mundo real". Não se vai preocupar com a porcaria online :)

PLCI: Todos sabemos que o Benfica acabará por vencer a final, mas gostamos de vos deixar (adeptos do Chelsea) acreditar que têm hipótese (que não têm). Qual a tua previsão?

BCQuando é que um clube que nos enfrentou numa final europeia estava tão confiante? E o nome também começava por B! A minha previsão é que os campeões europeus se vão tornar os campeões da (Liga) Europa, vencendo por 2-1. Espero por golos do David Luiz e Ramires, só para ser mais interessante :)


Por último, gostava de vos desejar boa sorte. Esperemos que seja um excelente jogo e que ganhe o melhor. Lamento muito a derrota de sábado. Mas ainda acredito em vocês. Faço figas!

Facas afiadas

Nenhum bnfiquista pode estar neste momento satisfeito. Nem satisfeito com Jesus, nem satisfeito com Vieira, nem com os jogadores, nem com nada...

Perdemos o campeonato nos descontos, da forma mais cruel e dolorosa possível e não estamos contentes.
Não vou sequer conseguir festejar uma eventual vitória na Liga Europa e taça de Portugal se as conseguirmos conquistar. Eu queria era o campeonato, desde o inicio...e trocava todas as taças pelo campeonato de olhos fechados.


Agora vamos ser racionais: Pedir a cabeça de Jesus é arranjar uma desculpa fácil, idiota, e provavelmente suicida. Tudo bem, ele não é o ultimo treinador do mundo, o Benfica não acaba se ele for embora e até ganha bastante dinheiro.
Mas simplesmente não vejo NINGUÉM (digam-me se estou errado) que tivesse feito melhor que ele esta época com a equipa que lhe foi dada.

Não há dinheiro para comprar um médio centro suplente...teve de jogar roderick e foi o que se viu. Defendem Aimar até à exaustão como se ele jogasse a ponta de um chavelho....acordem! Aimar está velho, acabado, arrumado e está com o maior ordenado do plantel! Quando ele não saiu em Janeiro ficámos impossibilitados de comprar outro médio e Jesus "teve" de contar com ele. É pena que Aimar já nem no Arouca jogava nesta altura.

Posto isto está na altura de começar a eliminar os pedaços de carne morta (Martins, Aimar, Luisinho, Sidnei, etc..) para formar um grupo mais homogéneo.

Mas não digam que a culpa foi de Jesus...e da minha parte dou-lhe mais uma oportunidade.


Mas hey...eu também tinha dado mais uma oportunidade ao Quique Flores por isso quem sou eu para dizer que percebo alguma coisa de bola.


É altura de lamber as feridas e olhar calmamente para o que resta da época. Realisticamente depois da facada de sábado não acredito que vamos ganhar a Liga Europa...deixo as minhas esperanças para o Jamor. Já cá tenho o meu bilhete e lá estarei a apoiar.


Talvez pela última vez ao vivo durante uns tempos.


Dei tudo o que tinha para apoiar o meu benfica e puxar por ele.
Está na altura de ele puxar por mim também de volta.

domingo, 12 de maio de 2013

Refugiado...

Hoje acordei e não saí de casa, como costumo fazer. Não fui ao café tomar o pequeno-almoço, não procurei ver as capas dos jornais, não disse bom dia a ninguém, deixei a janela da sala semi-aberta, como ontem. Acordei triste e talvez até um pouco sombrio. E assim vou ficar o resto do dia.

Mas reparei que ontem disse muita asneira, tanto a amigos meus como pessoal dos blogs. Eu não posso andar a pedir às pessoas para irem apoiar os jogadores do Benfica quando elas não sentem vontade para o fazer. A minha reação àquele golo (e tantos pesadelos que terei com ele) foi igual à de tantos benfiquistas. Fiquei a olhar para a televisão. Não me mexi, não me lembro de ter visto ou ouvido o que se passou à minha volta. Fiquei sem reação durante alguns momentos. A primeira coisa que fiz depois disso foi vir ao blog escrever. Refugiei-me no mundo virtual, à espera que esse fosse um lugar mais feliz. Não era. Tinha gente como eu, a tentar pôr juízo na cabeça de toda a gente e a dizer que Jesus é o melhor treinador que tivemos nos últimos anos e que teremos nos próximos anos. Havia gente a querer vê-lo ir embora. Havia gente a disparar para todos os lados. E eu não os percebia. Percebo-os a todos agora. A dor foi imensa e há diferentes maneiras de lidar com ela. Não posso andar a exigir que apoiem jogadores e treinador quando a vontade das pessoas que eu tentava convencer era atirá-los abaixo de uma ponte.

Hoje vou ficar aqui refugiado, em casa, mais uma vez no mundo virtual que me parece muito mais calmo agora. Vou a ficar a pensar no jogo de ontem porque não me sai da cabeça. Vou ficar a perguntar porque é que o JJ só tinha o Roderick e o Aimar para pôr no meio-campo. Vou ficar a perguntar porque é que o Roderick não se encostou mais ao Kelvin antes do golo. Vou ficar a perguntar porque é que o Kelvin não fez como habitualmente e não se perdeu em fintas, atirando depois para a bancada. Vou ficar a perguntar como é que nós vamos, muito provavelmente perder o campeonato por 2 minutos.

Mas há coisas que não questiono. O amor ao Benfica, que cresce a cada dia. O desejo da continuidade do JJ (sim, eu quero. Chamem-me o que quiserem, eu quero que ele continue e sei que se ficar cá muitos mais anos, nos vai dar imensas alegrias). Não questiono o amor que todos os benfiquistas sentem pelo Glorioso (desde os que ontem insultaram jogadores e treinadores até aos que os foram aplaudir). E acima de tudo, não questiono o esforço e vontade de cada jogar, treinador ou dirigente do Benfica, que ontem tudo fizeram. As imagens que a seguir vou colocar deixam-me a pensar que lhes doeu tanto a eles como a mim aquele golo:







PS: vou passar o resto do dia a fingir que ontem não aconteceu. Que, por uma única vez na história, a seguir a uma sexta-feira veio um domingo. E amanhã, aí sim, começarei a entrar, aos poucos no modo Liga Europa. E podem esperar uma pequena surpresa por parte do blog. Fiquem bem e VIVA O BENFICA!

sábado, 11 de maio de 2013

FODA-SE FODA-SE FODA-SE

FODA-SE!

Mas vamos até ao fim caralho. BENFICA ATÉ MORRER!

Não consigo dizer mais nada. Desculpem...

É hoje!

Hoje não tenho muito para dizer. Durante a semana fui tentando colocar otimismo nos benfiquistas que visitam o bog e, espero eu, muitos deles acreditam que hoje teremos uma equipa de campeões no Dragão. Por isso, espero que os jogadores possam retribuir o que os adeptos têm feito por eles nestes últimos dias. EU ACREDITO!

Eu estou sem muito para dizer, o nervosismo já me atingiu e as palavras que diria aqui não chegariam para mostrar os meus sentimentos hoje. Mas há quem o consiga pôr por palavras e imagens. Nada melhor que estes vídeos para mostrar o que sentimos hoje. SEMPRE BENFICA! RUMO AO 33º!





sexta-feira, 10 de maio de 2013

Acredita Benfica!

Aqui está o vídeo que o pessoal do Cabelo do Aimar produziu, que muitos benfiquistas ajudaram a tornar possível, mas acima de tudo, retrata aquilo que todos os benfiquistas sentem (mesmo os mais pessimistas). Mais uma pequena (GRANDE) motivação para sábado. EU ACREDITO! E TU?

quinta-feira, 9 de maio de 2013

Orgulho!


Escolheram o Proença, para desenjoar um pouco. Enquanto eles preparam o clássico à maneira deles, nós fazemos maravilhas como a que podemos ver em cima. E mais estarão ainda para vir. Parabéns a quem levou a cabo esta iniciativa. Porque por muitos títulos que nos tentem tirar e por muito que alguns benfiquistas já estejam a perder a crença, uma coisa nunca nos tirarão: o nosso ORGULHO. A mística, o canto em uníssono no hino antes do jogo, o arrepio na espinha sempre que vemos um golo do Glorioso e a felicidade a cada vitória. Estamos convosco! Vençam por nós!

PS: a passagem do avião pelo Seixal mereceu aplausos da parte dos jogadores e equipa técnica. No sábado, é a nossa vez de os aplaudir e saltar com eles. FORÇA BENFICA!

PS2: eu sou um gajo desmedidamente otimista e nem a nomeação do Proença me fez perder a esperança num bom resultado. Eu acredito! Os mais pessimistas dirão que sou louco da cabeça. Mas não somos todos?...

quarta-feira, 8 de maio de 2013

Acabou o choro!

Admito: Sou um pessimista no que toca ao Benfica.

Talvez por ter crescido durante a década de 90 em que o futebol do Benfica depois de 93/94 foi o que se sabe.
Talvez por saber que lá em cima mora a corrupção, os interesses, o compadrio, os favores e o jogo sujo que a certa altura nos deitam abaixo.
Talvez pela época passada em que em 3 jornadas passamos de líderes com 5 de avanço a segundos a 3 pontos.
Talvez por cada vez que parece que relaxo um pouco e penso que está tudo bem...invariavelmente dou de caras na realidade.

Por tudo isto e muito mais sinto que tenho moral mais que suficiente para dizer a todos os deprimidos:

ACABOU O CHORO!


Até sábado não quero ouvir nem mais lamúrias, nem lamentos, nem queixas, nem críticas, nem "e se...", nem choradeiras...nem nada!!

Até sábado vamos apoiar com toda a força os nossos, vamos fazê-los acreditar mesmo que nós por dentro estejamos a tremer que nem varas verdes, vamos dar força a quem dizem que já "rebentou", vamos levá-los a dar o melhor. É só isso que lhes peço. Que façam tudo o que podem e deixem o que tiverem dentro de campo.

Esta é a nossa missão: Apoiar. 


Se sábado estivermos em segundo, que estejamos ao menos com sentido de missão cumprida e que fizémos a nossa parte. 


Queremos o campeonato mas nós somos mais que um campeonato.

Nós somos o Benfica...e isso meus amigos, é o maior motivo de orgulho que alguém pode ter.


Força Benfica!!  

Estamos juntos!



Boa viagem!

O nosso caro colega Mats Magnusson vai-se ausentar durante um mês (oh Mats vais para o Vietname ou para o Cambodja?) e deixou uma pequena mensagem aos outros autores do blog, que eu decidi partilhar convosco porque talvez dê inspiração e otimismo aos que neste momento se mostram mais pessimistas:

Rapazes, a partir de amanhã vou estar aproximadamente 1 mês sem puder bloggar. Estou devastado porque não posso contribuir à minha maneira para o esforço Benfiquista até ao fim da época. Ficam cá vocês, que ficam muito bem. Como eu não posso inspirar mais ninguém, este texto é para vocês.

Pode-vos passar pela cabeça que o Benfica não tenha um fim de época de sucesso, mas com certeza que acreditam que vale a pena lutar pelo Benfica.  

Pelo Benfica vale sempre a pena lutar. Os valores que o Benfica representa são nobres, são honestos, são simples e são universais. Em 1904, hoje e amanhã. 

Eu sei que pouca gente nos lê, mas quem vem são benfiquistas meus amigos. São Benfica.

Até ao fim da época, vocês escrevem para quem vai sofrer violência no Porto, para quem for a Amesterdão, para quem estiver horas em pé nos viadutos, para quem for ao Seixal, e, com sorte, para aquele puto de 10 anos que está nesta altura a colar o emblema do Benfica à mochila. 

Eles podem ir cheios de nervos e de dúvidas ou podem ir de dentes cerrados, olhos brilhantes e prontos para ir à guerra pelo Benfica. Podem desmoralizar quando o Benfica sofrer um golo ou podem continuar a cantar, sabendo que atrás deles está uma história belíssima, e que atrás dessa história está uma multidão. Ou então podem não sair de casa.

E é aqui que vocês entram. Escrevam para eles. Façam-nos ir, façam-nos cantar mais alto, façam-nos sonhar, façam-nos ser maiores.

Façam-nos acreditar que vale a pena lutar pelo Benfica, que os jogadores acreditarão com eles.

Sim, o Benfica pode perder tudo e podemos ficar com o coração devastado. Se isso acontecer, quem acham que ficará pior? Vocês que fizeram tudo o que podiam, ou eu que não fiz nada?

Pelo que o Benfica representa, vale sempre a pena lutar.

Um grande abraço para vocês dois e muita sorte para nós todos.
Mats

PS: se precisares de companhia para ir até ao Marquês festejar quando vieres do Vietname (ou Cambodja), avisa que nós vamos contigo fazer a festa. Abraço e boa viagem!

terça-feira, 7 de maio de 2013

Para os que só acreditam com uma margem de 4 pontos


Não estou contente. Óbvio. Nenhum benfiquista acordou contente hoje. Mas foda-se, é preciso entrar no estado depressivo em que vejo a maioria dos benfiquistas? A época está a ser fantástica e é natural que com o cansaço e contra boas equipas, haja deslizes. Porque do outro lado também não tínhamos uma equipa qualquer.

Mas agora pergunto-vos: Quem está em segundo? Quem tem a obrigação de ganhar no sábado? Quem é treinado pelo Bitinho Chorão? Quem é que só não perdeu na 1ª volta porque o Helton defendeu e o poste ajudou? Nenhuma das respostas a estas perguntas é Benfica.

E vocês, que já se escondem debaixo da mesa do escritório porque estão com medo de ser gozados pelo vosso colega portista e que esgrimam argumentos do estilo: "os árbitros vão-nos roubar", "nunca ganhamos aos corruptos", "eles vão engolir-nos vivos", mantenham-se aí debaixo da secretária. Antes disso, vão comprar comida para 1 mês. E vão para debaixo da mesa. Fiquem aí. Façam dessa mesa a vossa casa durante as próximas semanas e isolem-se do mundo. Façam de conta que não ouvem a festa no Marquês.

E agora para todos os benfiquistas, volto a perguntar: Quem é que está em primeiro? Quem é que pode ser campeão na próxima jornada? Quem tem tornado a vida de milhões de portugueses muito mais agradável em tempos de crise? Quem enche estádios de Norte a Sul? Quem está na final da Taça de Portugal e da Liga Europa e ainda na última quinta-feira fez chorar de alegria milhões de pessoas? Foda-se, quem é a melhor equipa? A resposta a todas estas perguntas é o Benfica. É O BENFICA, CARALHO!

Por isso, vamos a sair debaixo dessa mesa ou do bunker que construíram para prevenir o fim do mundo. Levantem esses rabos do chão e parem de tomar anti-depressivos. Vamos todos apoiar e acreditar até ao fim. De que maneira? Li no Cabelo do Aimar excelentes sugestões que todos podemos fazer. E outras que poderíamos tentar. Como ir até ao Centro de Estágio do Seixal e dar força aos jogadores, mostrar que estamos com eles. Quem tem possibilidades para tal, devia comprar bilhete e ir ver o jogo. E muito mais... Todos nós podemos fazer a diferença e todos juntos faremos essa diferença. PORQUE EU ACREDITO!

PS: foda-se oh Martins, já tens idade para ter juízo. Mas eu já te perdoei. E peço aos benfiquistas que façam o mesmo. O que menos precisamos agora é de gente dividida. Se estás com vontade de insultar o Carlos Martins ou outro jogador qualquer, vai esconder-te debaixo da mesa ou no bunker. E faz tudo o que diz no 3º parágrafo deste texto.

segunda-feira, 6 de maio de 2013

Orgulhoso


Aviso já que não faço ideia se o Benfica vai ganhar o próximo jogo ou não. Esperemos que sim, mas eu pouco posso fazer para que isso aconteça.

Esta equipa tem dado tudo o que tem (e o que não tem) e os adeptos merecem. Porra, se nós merecemos. Mais uma vez jogamos muito à bola e mais uma vez o público fez o seu papel. Um orgulho tremendo em toda a gente. 

Mas futebol não rima com justiça. E em Portugal então só rima mesmo com corrupção. Se houvesse justiça, aqueles aviões em 2001 tinham-se espetado nas Antas. Durante um jogo Porto-Boavista. Mesmo ali entre o costa e o loureiro.

Aconteça o que acontecer, estes jogadores têm o meu respeito total. Felizmente o Benfica, quando ganha e quando perde, é um clube com o qual eu não tenho problemas em identificar-me.

Não tenho que fingir que não tenho acesso ao youtube, nem que não tenho olhos, nem cérebro. Quando não for escolhido para um trabalho porque apareceu o sobrinho de alguém que ficou com a posição, eu posso ficar integralmente fudido. Não me vai passar pela cabeça “mas eu já festejei tantos campeonatos com este tipo de compadrios...”

Nada disso. Ser do Benfica é um orgulho. Sempre.

PS: Outra coisa que eu tenho mesmo a certeza é que o Paços de Ferreira vai ganhar o próximo jogo. Esse é de certeza. Atém podem aparecer com os juniores que ganham isso, tranquilo. Estou aqui a pensar em Xistra. 

Meio-neurónio


E se calhar já lhe estou a dar neurónios a mais.


Boa sorte na reforma. Já vais 2 anos atrasado.

Nervoso pra Melgarejo

Daqui a sensivelmente duas horas o Benfica entra em campo e 1/3 do Parem lá com Isso está nervoso pra Cardozo.

Já olhei tantas vezes para o meu relógio de parede que ele já veio cá 3 vezes dizer que agora não era a melhor altura. It´s complicated, disse ele.

E foi precisamente a seguir a esse evento que pensei em ti, caro leitor. Nada como ouvir-te para redirecionar o meu nervoso.  

Então é este o desafio:

Quais são as piores previsões que já fizeste sobre jogadores do Benfica? Assim aquelas épicas. Não queremos cá meias parvoíces, queremos parvoíces completas. Tens 3 opções:

1)   Este gajo ainda vai ser uma BOMBA. Ainda estás à espera que o Amoreirinha e o Bruno Aguiar expludam? Tens um poster do Brian Dean? Eras pessoa para ir buscar o Cadete outra vez porque ficou ali talento por espremer? Achaste que o Calado estava a um melão de distância de se tornar capitão do Benfica (sim porque isto claramente nunca aconteceu)?

2)   Dêem-me uma BOMBA para eu acabar com este gajo. Apeteceu-te espetar o carro contra aquela badalhoca do 3º esq. quando ouviste que o Benfica ia contratar um defesa esquerdo de 1.50m chamado Léo? Ainda hoje estranhas que o Luisão não  tenha um abajour na cabeça? Estás agora em Fátima a rezar para que as notícias da adaptação do Enzo Péres a médio interior sejam mentira? Fizeste uma ameaça de bomba quando o Coentrão foi posto a defesa? Ainda estás barricada na casa de banho do sector B32 da bancada Oeste a exegir a anulação da assinatura do contrato pelo Javi Garcia?

3)   Este puto novo do Sporting é que nos vai tramar agora. Ainda estás nervoso porque o Paíto vai ser o próximo Roberto Carlos?...hmmm para este não tenho mais exemplos mas percebem a ideia.

Extravasem prái que ainda faltam 2 horas para o jogo e todos juntos lá chegaremos em segurança. 

PS: Eu partilhava as minhas piores previsões com vocês, mas estou-me a guardar para quando ninguém der a sua opinião e eu tiver que ir encher a caixa de comentários. Para não parecer mal. 

FORÇA BENFICA!

Ehehehe enganei-te



Vocês já devem ter visto o vídeo mas aqui fica para os mais distraídos (a.k.a. gajos com vida).

O David Luiz certamente não fará disto na final da Liga Europa. David, ficamos à espera do auto-golo ou da escorregadela que isola o Cardozo. Estamos a contar contigo e com o Ramires.

E para vocês não dizerem que este post é muito pequenino, peguem lá um vídeo de uma demonstração do que aconteceria se o Ricardo (ex-Sporting) alguma vez tivesse sido campeão. Enjoy!


domingo, 5 de maio de 2013

O Manuel Machado e a Fanny


Há algumas lições a retirar da estratégia de vida do Manuel Machado e da Fanny. Um não tenta esconder as mamas, e o outro não tenta esconder que tem o rabo à mostra. O futuro está na especialização. Concentra-te naquilo em que és bom.

Isto devia servir de exemplo ao Porto. Eles são do melhor que há a choramingar, a mentir, a chupar o erário público e a dar entrevistas à CARAS. Porquê tentar jogar à bola quando são tão bons como Monica Lewinsky? 

O mesmo problema no Iron Man 3. Ao fim de 130 minutos da minha vida, meio balde de pipocas moles depois e uma data de explosões pelos olhos adentro, cheguei à conclusão que isto não era um filme sobre o Matic. Isto era um filme sobre um senhor de barbicha que se mascarava de Matic quando tinha problemas para resolver.  Ainda fui pedir o meu dinheiro de volta mas o mexicano fingiu não conhecer o Matic. “No no no, Matic is no here”. Para ele o Iron Man 3 estava muito bom assim.

Comigo tem sido a mesma coisa. Eu nesta fase sou bom é a falar sobre as nuances táticas do Benfica. Isto parece ter passado despercebido a toda a gente à minha volta que insistem em falar comigo sobre outros assuntos. Como assim “ passa-me aí o sal”? Isso é conversa que se tenha à mesa? 

Bem, vou mas é ouvir o relato da meia final pela 23423423 vez, que se faz tarde.

Sobre o Nacional – Porto , não precisei de ver o resumo porque já tinha visto o filme quando estava a viver em Amesterdão: “A Beautiful Behind”

sábado, 4 de maio de 2013

"Deixem passar fáchabor"

"Fáchabor, deixa passar", "Com licença, ora com licença meu bom rapaz", "Fáchabor. Mil obrigados gaiato", "Atenção deixa passar para aquele lado, dá aí um jeitinho, obrigado".

(O vídeo não tinha som por isso decidi legendá-lo. Se quiserem a legenda em inglês, peçam ao Mats que ele faz de maneira perfeita o sotaque londrino).

Adeus lamechice, olá estupidez!

Acho que finalmente deixei a lamechice e voltei à estupidez. Se não pretendem ler estupidez, parem de ler no final deste parágrafo. Ou agora. Depois não digam que não avisei!

IMAGEM 1

Ia fazer uma legenda desta foto mas, ao analisá-la melhor, percebi que há duas maneiras de a interpretar. Por isso deixo aqui as minhas ideias e vocês decidem:

Opção a)
Korkmaz: Pára de marcar caralho! Já chega!
Cardozo: Só mais um. Vá lá!

Opção b) 
Cardozo: Korkmaaaaaaaaazzz, ma man!
Korkmaz: Tá tudo man? Dá cá cinco!
(Eu sei que já ninguém usa a expressão "dá cá cinco", mas estes dois também não são propriamente da nova geração. Já ninguém usa a expressão, pois não?)


IMAGEM 2

Nesta segunda imagem eu queria pedir desculpa aos benfiquistas. Eu sei que o Vítor Pereira é a pessoa que menos atenção deveria merecer da nossa parte nesta altura, mas eu não consigo ficar indiferente a tanta estupidez. E quando o post é sobre estupidez, não podia faltar o sujinho. Por isso apresento-vos o Bitinho nas conferências de imprensa (imagem de cima).

PS: O Gonul levou oito pontos do estádio da Luz. Parece que o Bitinho quer voltar à Catedral e levar um pontapé do Gaitán, a ver se isso resulta.

Resumo de um Glorioso dia

Desde o apito final do francês Lannoy (estava bem encomendado mas anos e anos a lutar contra corrupção calejaram a nossa equipa contra o que se passou ontem) que tenho estado numa espécie de transe. A ideia de estarmos numa final europeia demora a entranhar e ás vezes ainda parece que esta época é boa demais para estar a acontecer....

Vamos ser sinceros por um momento: Desafio qualquer benfiquista a dizer que no dia de fecho do mercado no incio da época tinha expectativas de estar em duas finais e com 4 pontos de avanço para os corruptos do Vitótó nesta altura.

Eu não tinha...eu nessa altura só esperava que a equipa chegasse para aguentar o 2ª lugar ao Braga no fim do campeonato.

Isto tudo para dizer o seguinte: Jesus foi o grande obreiro desta época. "Inventou" Enzo no meio-campo e lapidou Matic para ser o monstro que é hoje. Já para não falar nos Andrés das equipa B, Melga, Ola John, etc...Deram-lhe uma equipa sem meio-campo e laterais presas por arames e ele já nos colocou onde estamos neste momento.
Aconteça o que acontecer esta época e mesmo que percamos tudo - bate na madeira - já ninguém lhe pode tirar o fantástico trabalho que tem feito. Aquele final de tarde ontem em especial...ficará marcado na minha memória como se de um ferro em brasa se tratasse.

É por isso com muita satisfação que ouvi as palavras de LFV e só preferia se ele tivesse dito que já estava assinada a renovação com Jesus, com uma diminuição do ordenado base e um aumento substancial dos prémios por objectivos.

Ainda antes de tudo isto sai a noticia de que Djuricic está de facto confirmado no Benfica e não tenho a menor dúvida que está ali o sucessor à altura de D10S Aimar como nº 10. Aimar, és o maior....mas já não dá mais! Não és tu....sou eu! Quer dizer, por acaso és mesmo tu, tás todo roto homem e já mereces descansar num campeonato brazuca ou das árabias a ganhar uns milhões por mês.



Digam lá que ver este rapaz jogar não vos aquece a alma? Tem selo de craque e com Jesus a trabalhá-lo...é esperar para ver!





P.S. - Vamos a Amesterdão ou quê?!

sexta-feira, 3 de maio de 2013

Lamechice Total!


Tem havido demasiada. Principalmente aqui no tasco. E o Rennie ainda não falou, portanto ainda deve vir aí mais. Hora perfeita para dar a palavra aos jornalistas do Record:

13H06 - O plantel encarnado almoça. Os jogadores rumarão depois aos quartos para descansar.

13H07 - Na Luz ainda está tudo calmo.

14H17 - Junto ao centro de estágio do Benfica, no Seixal, ainda não apareceram adeptos.

Como poder ver em cima, a página online do Record ontem foi um fartar de informações interessantes. Contudo, deixa questões no ar que têm de ser respondidas. Os Benfiquistas merecem explicações. 

13H06 - Está um jornalista do Record todo oculto escondido na salada de tomate?

ainda 13H06 - O "rumarão" é o novo central do Benfica?

13H07 - sete horas antes do jogo "Na Luz está tudo calmo” – well “fuck me in the ass with a burning bush”. Como é que isso aconteceu??!!!

14.17 – Claro, agora estão com medo de apanhar uma chapada do novo central do Benfica, o Rumarão. As maiores felicidades para ele, já agora.

Isto não é jornalismo, isto é só parvo.

E para terminar, queria deixar aqui uma palavra final ao Cardozo. Granda joga ontem!  Cardozão, ainda andavas vestido de powerpuff girl e eu já te curtia:



FORÇA BENFICA!!

Problemas de sono

Vou-vos confessar: hoje dormi pouco. E duvido que tenha sido o único. Há quem tenha problemas de sono habituais. Mas eu não me enquadro nesse grupo. Enquadro-me mais no conjunto de benfiquistas que, simplesmente, não queriam que o dia acabasse. Para os que, como eu, nasceram nos anos 90, esta é a primeira vez que poderemos ver o Benfica numa final europeia. E isso fez de nós as pessoas mais contentes do mundo esta noite. Mas chegou a uma altura em que o cansaço dos festejos tiveram de dar lugar ao sono, porque porra, sexta ainda é dia de trabalho. Mas não é um dia qualquer. Hoje todos os benfiquistas foram para o trabalho a sorrir. Desde o padeiro que teve de acordar cedo ao chefe do escritório que considera a sua secretária apetecível (a mulher, não a mesa).

E toda esta introdução para quê? Para dizer que todos os benfiquistas ainda estão num estado de semi-transe, como se já tivessem chegado à cidade de Amesterdão (se calhar não precisava de uma introdução tão grande). Eu hoje ainda não consigo pôr em palavras todas as sensações que me vão passando pela cabeça. Por isso, vou avançar no tempo e escrever sobre a vitória de ontem perante o Fenerbahçe, mas daqui a 5 anos.


Terça-feira, 2 de Maio de 2018


Há 5 anos atrás eliminávamos o Fenerbahçe nas meias-finais da Liga Europa. Quem não se lembra desse jogo? Um ambiente fantástico, estádio e jogadores a remarem para o mesmo lado, uma enorme e esplendorosa tarja a fazer-nos lembrar que já tínhamos estado em Amesterdão e que queríamos lá voltar. Quem não se lembra de saltar como um tolo no golo do Nico, a passe do Lima ou de vociferar a cada apito do Lannoy (foda-se, 5 anos depois aquilo ainda não é penalty e era fora de jogo oh francês de merda). Quem não se lembra de roer as unhas esperando mais um golo e de saltar como um maluco no golo do Cardozo. Quem não se lembra de roer as unhas e um bocadinho da mão porque as unhas já tinham acabado até o Óscar fazer outro golo e fazer finalmente aquele inferno de incondicional apoio explodir. Foi fantástico, uma das noites mais mágicas que a Luz teve o prazer de mostrar ao mundo.

Fiquem com os golos e o relato desse jogo. Arrepiante!

PS: Um dia antes desse jogo eu tinha escrito no meu post "Estados de Espírito": "Vamos apenas apoiar os jogadores e festejar no fim. Aí gritaremos "estamos na final e o Melga joga de cara**o e o Cardozo é o melhor do mundo". Amesterdão é já ali e eu acredito que lá estaremos." Acertei em parte, não?